Manhã com Tropa - Quartel Digital - W. Gabriel, Hugo Lopes e Marcelo Borges - TendênciasClaro que o mercado digital continua crescendo. Mas atualmente não só isso. O mercado digital, para além crescer, vem amadurecendo. E, como todo amadurecimento, uma série de novas exigências são percebidas e outras já existentes, reforçadas. O peso que se dava antes aos resultados das ações digitais muda à proporção que as empresas e seus profissionais resolvem investir mais. Além disso, as ações sem fundamento ou visão competitiva passam aos poucos a não gerar crédito e a não convencer quem resolveria investir. Por fim, a imagem do profissional nos meios online começa a pesar nas decisões objetivas sobre em quem investir. São tendências para os próximos períodos que merecem ser consideradas. Veja a seguir a apresentação que fiz para o evento Manhã com Tropa, organizado pela empresa Quartel Digital. Vale ressaltar que esta edição do evento foi a maior de todos os anos e contou com apresentações de Hugo Lopes (professor e sócio da agência Index Digital), W. Gabriel (professor, mestre em Marketing, orientador CNPq e especialista na área digital) e Marcelo Borges (empresário dono do Barney's Burger).

Você já viu uma equipe de tecnologia da informação e comunicação trabalhando? Já entrou em uma "fábrica de software"? A diversidade de pessoas, mentes, comportamentos e, muitas vezes, etnias - apesar de serem alguns do mesmo país - levam essa multilinguagem para além da programação de sistema. Seria curioso analisar os modelos organizacionais que se formam nas empresas de tecnologia. Meu pressuposto é que reformaríamos alguns paradigmas da Gestão de Pessoas.

Quando vi os trabalhos de Vik Muniz pela primeira vez, eu estava diante de uma tela de computador. Conheci suas obras ali, mas sem grande envolvimento. Um artista que traz do lixo uma arte eu também poderia encontrar nas feiras praianas da minha cidade natal, através de colares artesanais ou até pequenas esculturas de peixe ou gente feita de arame. Mas foi apenas ao ver, pela primeira vez, uma exposição sua, em visita à Universidade de Fortaleza, que percebi o diferencial de Vik Muniz para todos nós, meros mortais ocupados demais com algo que não nos deixa sonhar. Estava ali o sentimento que os criativos deveriam manter.

Você sabe o que é SEO? Esse texto já deveria ser sobre técnicas avançadas de Search Engine Optimization (SEO), por conta do grande desenvolvimento que esse trabalho já atingiu. Mas muita gente - e principalmente aquelas que pagam, os clientes - ainda desconhecem esse termo. Vamos então bater um papo rápido sobre otimização para ferramentas de busca.

O jornalismo on-line, na verdade, é um comportamento, não o meio onde se faz jornalismo. Pré-requisitos quase megalomaníacos são necessários para esse profissional. Porém, o trabalho será bem mais crítico, pois informação por informação se pega em blogs afora ou twittadas por aí.

Delicious Ócio Criativo para quem trabalha com Internet
Como trabalhar com virose, produzir doente? Como não parar de pensar mesmo com febre, dor no corpo, fraqueza e indisposição? O que fazer de construtivo nas férias ou até num feriadão? Como transformar o ócio em algo criativo e produtivo?
Esses últimos três dias me fizeram concluir que ficar doente tem sua vantagem: você pára de pensar em problema e passa a pensar em idéias. Isso, logicamente, para aqueles que não querem parar no tempo.
Segue uma lista – não tão recomendada assim  – para aqueles webaholics doentes ou que estão parados por algum motivo de força maior:
1)Depois que voltar do médico, reconecte MSN, GTalk, Skype, Orkut, Twitter, Facebook, Youtube e Netvibes, até que se encontre algo que requeira sua total e exclusiva atenção. Para achar algo, antene-se do que ta rolando em todas as suas redes sociais;
2)Tire o atrasado de seus principais canais de informação (principalmente Netvibes e Twitter). Isso lhe deixará em paz consigo mesmo e ainda lhe ajuda a estudar – passa até a dor de cabeça. Comprovado;
3)E estudar terceira é a segunda lei – ou pelo menos planejar um estudo futuro. Aproveitei para fazer as cotações dos livros que comprarei esse semestre para o mestrado. Que tal pesquisar um novo curso, um evento que viu anunciarem no Twitter, uma pós-graduação?
4)Abra todas aquelas abas salvas no seu Firefox e Delicious e tente descobrir por que mesmo você as salvou. Aproveite o ócio para detonar as 60 abas que já estavam acumuladas há 1 mês ou mais;
5)Um filminho, porque ninguém é de ferro. A dúvida ficou entre os canais Telecine ou os filmes que acumulei no meu computador para quando eu tivesse tempo. Preferi o computador, pela qualidade da seleção que fiz com meu amigo IMDb;
6)Ah, e não se esqueça de ir novamente ao médico. É importante que fique logo bom, para não faltar mais ainda ao trabalho e prejudicar o andamento dos seus projetos. Depois acaba sobrando para você mesmo... Mas se lembre de levar aquela revista que você ainda não acabou de ler. E a sua chance de concluí-la num local que não tem wi-fi tão fácil.

De repente, um nerd caiu doente. E agora? Vai um pequeno manual de como sobreviver.

Marketing Jurídico sempre foi um tema bastante empolgante, pelo desafio. Bons relacionamentos, presença nas mídias e uso de tecnologias foram mostradas como características imprescindíveis para uma construção de imagem e sua manutenção.

Primeiro post. Apresentação dos assuntos que serão inicialmente publicados: Marketing, Internet, Usabilidade e Gestão de TIC.

Uma festa muito bonita, com empresas, artistas e troféus bem merecidos. Assim aconteceu aquela noite de gala do troféu Top Empreendedor, no dia 4 de dezembro de 2009, em meio aos salões do badalado Hotel Tivoli Moffarej, em São Paulo.